Quais são os principais dados do mercado de energia solar no Brasil?

O Brasil vem se tornando um dos maiores geradores de energia renovável. Saiba por que e como investir nesse mercado de energia solar no país.

Categoria: Parceiro Solar

Categoria: Parceiro Solar

O mercado de energia solar no país vem apresentando crescimento rápido, tornando-se um dos ramos mais interessantes para investimentos no Brasil. Afinal, a demanda pelo serviço cresceu significativamente nos últimos anos, sobretudo pela possibilidade de economia na conta de luz e pela busca por práticas sustentáveis.

Quem deseja empreender no ramo e entender como funciona a energia solar, precisa ter em mente que o sistema já é uma tendência que apresenta muitos potenciais consumidores. Os financiamentos e as linhas de crédito também impulsionam o setor, pois o país é um dos mais promissores quando o assunto é sistema fotovoltaico.

Acompanhe a leitura e descubra quais são, de fato, os dados de crescimento e as perspectivas para o mercado de energia solar!

Como foi o crescimento nos últimos anos do mercado de energia solar no Brasil?

Embora o Brasil ainda não seja um dos locais com maior geração de energia fotovoltaica do mundo, o país ocupa uma posição entre os 30 maiores geradores de energia renovável do planeta. Para se ter uma ideia, já existem mais de 200 mil empreendimentos do ramo em operação atualmente, de acordo com o portal Energy Brasil.

Apesar da pandemia, o setor teve um salto de 70% em 2020, tornando-se uma das indústrias mais promissoras para investidores, conforme publicação da CNN Brasil. Um dos segmentos que teve interesse no sistema fotovoltaico foi o agrícola, que espera ter ganhos em produtividade e crescimento nas safras anuais.

O aumento da demanda ocorre, sobretudo, por conta das altas tarifas elétricas no país. A implantação do sistema de energia solar vem garantindo benefícios financeiros significativos aos consumidores, que podem aproveitar as condições favoráveis dos trópicos para a produção da fonte renovável de energia.

Quais são as regiões brasileiras que mais se beneficiam da energia solar?

A energia solar é uma fonte limpa e inesgotável que permite uma drástica redução no consumo de energia elétrica de empresas fornecedoras. O Brasil tem um dos maiores níveis de incidência solar do mundo. Por conta disso, o país tem sido considerado uma opção energética para diversos consumidores.

Atualmente, muitas tecnologias estão sendo desenvolvidas e, com o avanço e as inovações no setor, os custos das instalações dos sistemas também estão reduzindo. Segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR), os cinco estados que mais se beneficiam e geram energia renovável são:

-Minas Gerais;

-São Paulo;

-Rio Grande do Sul;

-Mato Grosso;

-Paraná.

Minas Gerais, por exemplo, foi a primeira região brasileira a ter isenção do ICMS sobre a energia fotovoltaica e, atualmente, são mais de 5 mil residências e mil empreendimentos que utilizam da fonte limpa para obter energia. Com isso, o país passou a ocupar o 8º lugar no ranking mundial de produção de energia solar.

Devido ao elevado custo de produção de energia elétrica, a fonte solar se tornou atrativa em todo o território nacional. Muitas cidades, como Ouro Preto, Palmas, Salvador e Goiânia, estão oferecendo descontos no IPTU, e o governo ainda estuda a liberação do FGTS para compra de painéis solares.

Sem dúvidas, o país se destaca por conta da viabilidade de irradiação solar e pelos incentivos fiscais voltados para a geração de energia limpa.

Quais são as perspectivas de crescimento dessa fonte de energia para os próximos anos?

Gastando mais com a conta de luz, a fatura de energia elétrica vem se tornando um impasse para o orçamento dos consumidores brasileiros, fazendo com que busquem soluções sustentáveis no dia a dia. Ao contrário das hidrelétricas, a energia solar apresenta queda de preço, sendo que o custo de um módulo fotovoltaico caiu cerca de 80% nos últimos 10 anos, segundo dados do Portal Terra.

A perspectiva é que o setor cresça ainda mais, frente à realidade de outros mercados. Além disso, com a amplitude que a sustentabilidade ganha a cada dia, a geração de energia fotovoltaica é apresentada como uma ótima maneira de o brasileiro contribuir para o movimento em prol do meio ambiente.

Para se ter uma ideia, hoje temos em média 17 mil empresas operando no país, atuando no ramo de geração de energia limpa. O fato de a energia solar se viabilizar facilmente na região, faz com que o Brasil também tenha maior geração de emprego e movimentação de renda.

Nos próximos anos, estima-se um crescimento acentuado dessa alternativa no mercado consumidor. O ano de 2021, por exemplo, é pautado por um projeto de lei que traz o marco legal da geração distribuída de fontes renováveis. Isso quer dizer que o setor tem cada vez mais prioridade nos investimentos, tanto locais quanto globais.

Como investir no mercado de energia solar?

Para investir em sistemas renováveis, é fundamental entender que existem diferentes tipos de energia solar. Atualmente, o mercado oferece o sistema fotovoltaico e o sistema térmico. Ambas as opções contêm diversos benefícios, sobretudo, ecológicos.

A luz solar se torna eletricidade por meio de placas fotovoltaicas. Elas contêm camadas de sílica modificadas quimicamente, permitindo que os elétrons se movimentem com o calor gerado e criem uma corrente elétrica. Cada unidade ou painel gera um pequeno volume de energia, sendo que oito a dez painéis já são capazes de abastecer uma residência ou um pequeno empreendimento.

Para investir em um sistema de energia solar, é preciso evitar, ao máximo, desperdícios e otimizar o uso de equipamentos eletrônicos. O ideal é optar por um tipo de energia que atenda adequadamente às suas demandas e necessidades. Após a escolha, basta buscar por uma empresa especializada e realizar a contratação do sistema.

O aquecimento solar pode ser instalado tanto em residências quanto em estabelecimentos comerciais, sendo excelente para proporcionar água em chuveiros, torneiras e piscinas. A energia limpa também é usada como apoio em setores industriais, tudo isso contando com economia e sustentabilidade.

O mercado de energia solar apresenta excelentes perspectivas de aumento no Brasil. Para além da redução dos custos envolvendo eletricidade, a alternativa promete fazer cada vez mais parte da rotina e se tornar realidade para muitos brasileiros que se preocupam com o meio ambiente e em poupar com o orçamento.

Gostou do conteúdo? Aproveite e curta a gente no Facebook e no Instagram!

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.