Por que renegociar o financiamento pode ser um bom negócio?

A renegociação do financiamento ajuda a evitar inadimplência e multas pelo atraso no pagamento de parcelas. Entenda!

Categoria: Crédito , Financiamento de Veículos

Você sabia que renegociar o financiamento de um carro pode valer muito a pena? Talvez não pareça, mas existem momentos em que é importante conversar com o banco sobre as condições, as parcelas e os encargos do carro financiado, especialmente se estiver com dificuldades de pagá-lo.

Quer saber quando a renegociação de financiamento de carro é vantajosa? Convidamos Kiyoshi, gerente de negócios centralizado BV para falar mais sobre isso. Continue lendo para descobrir o que ele disse!

O que é a renegociação de financiamento?

A renegociação de financiamento normalmente está atrelada à dificuldade de pagar”, explica Kiyoshi. Portanto, caso a pessoa que comprou um carro não consiga mais arcar com suas parcelas, ela pode procurar o banco financiador para tentar acordar novas condições de pagamento ou mesmo a devolução do carro.

Vejamos o exemplo de alguém que comprou um carro e, no meio do caminho, teve algum problema, como ele ter quebrado, principalmente se for um profissional que depende do carro para trabalhar”, comenta Kiyoshi. “Por causa disso, essa pessoa deixou de ter capacidade de ganho e, consequentemente, de receita para pagar a prestação naquele mês”.

Quando ele atrasa um mês, ele tem que pagar duas prestações no mês seguinte para voltar a ficar em dia, mas não tem como trabalhar em dobro para conseguir isso”, observa o gerente. “Não tem como dobrar o seu trabalho para pagar o dobro de parcelas. Então a renegociação é importante nesse caso”.

Isso porque ele paga parcelas que, porventura, estão em atraso e, em vez de ficar inadimplente e correr o risco de perder o carro para o banco, ele renegocia isso e dilui o valor pendente nas próximas prestações”, explica Kiyoshi. “As parcelas dele subirão um pouco com essa quantia, mas não dobrarão e não terá esse sacrifício logo de cara, voltando então à sua capacidade de pagar as parcelas”.

Como ela funciona?

Tanto quem foi comprar um carro quanto o banco financiador tem etapas a seguir nesse processo. Por exemplo, após a pessoa pedir a renegociação do financiamento, a BV faz uma análise do perfil do cliente e do quão bom pagador ele é para fazer uma proposta de renegociação.

Ele também cita o uso de Big Data para melhorar esse tipo de análise. Além disso, explica que é observado se a pessoa no passado já pediu a renegociação e se não foi possível pagar porque ele estava tentando ganhar tempo para, por exemplo, vender o carro para alguém. Por outro lado, pessoas que foram adimplentes e pagaram as parcelas corretamente costumam ter seus pedidos aprovados. Viu só a importância de tentar se manter em dia com os pagamentos o máximo possível?

Nós temos até modelos de prevenção para o processo de renegociação, sendo um modelo de renegociação de inadimplente e outro de adimplente”, acrescenta o gerente. “Quando identificamos alguém que é adimplente com entre 5 e 10 dias de atraso, já existe uma percepção de que ele atrasará o mês. Sendo assim, ligamos para ele ofertando a renegociação”.

Quem pode renegociar o financiamento?

Quem tem uma ou mais parcelas em atraso. “Além disso, se você está em sua capacidade limite de pagamento, comprometendo 30% ou mais da sua renda, ou você já não tem mais dinheiro”, complementa Kiyoshi.

“Ao atrasar, você terá que pagar juros e multas que são as penalidades”, avisa o gerente. “Todo mês que atrasar, você terá que pagar isso, o que pode fazer com que a parcela cresça em 30%. Então, em vez de pagar 30% a mais, quem renegocia consegue pagar menos, apenas 2%. Todo o prejuízo é diluído no prazo do contrato”.

A hora de pedir essa renegociação também depende. “Às vezes, os clientes não têm conhecimento de que é possível fazer isso e, no momento da cobrança dos valores em atraso, o profissional encarregado de cobrar pode ofertar esse produto para ajudar”, explica Kiyoshi.

Ou então quem é cliente olha no site e vê instruções ou a central de atendimento”, continua o gerente. “Em seguida, o cliente pergunta se é possível renegociar porque começará a atrasar e, por exemplo, não terá dinheiro no mês que vem para pagar”.

Se você está fazendo um planejamento para comprar um carro, lembre-se de se informar mais sobre a possibilidade de renegociar valores como precaução. Eventuais dificuldades podem surgir, então é melhor estar preparado, não é mesmo?

Quais são os benefícios de fazer isso?

Existem alguns benefícios em uma nova negociação do financiamento. Por exemplo, a possibilidade de diminuição do valor das parcelas, bem como a chance de “esticar” o prazo de pagamento do carro. Legal, não é?

O limite de esticar o prazo está sempre limitado ao número de parcelas do contrato da pessoa”, explica Kiyoshi. “Digamos que o contrato tem 60 meses, mas, logo no primeiro mês, a pessoa já teve esse problema. Nesse caso, ela não conseguirá esticar o tempo, pois está limitado aos 60 meses”.

No entanto, vamos para o outro extremo: ela pagou 59 parcelas e não conseguirá quitar a última. Nessa situação, ela poderá ficar mais 60 meses”, destaca o gerente de negócios centralizado BV.

Apesar dos benefícios, há quem demore para procurar essa opção.“A pessoa fica no passivo, esperando o banco cobrar, mas, às vezes, ela demora para procurar e a dívida fica maior”, relata Kiyoshi.

A iniciativa mostra boa vontade e, quando você tem boa vontade, as pessoas também ajudam”, argumenta ele. “O banco também buscará uma negociação melhor”.

Por fim, saiba que, se você estiver em dificuldades, é bom e importante buscar soluções para renegociar o financiamento do carro e não ficar passivo. “Esse é o grande final de conselho que poderíamos dar”, pontua Kiyoshi. “Ficar passivo é a pior coisa, pois o nome poderá sujar e acontecer coisas que aumentarão o valor em atraso”.

Agora que você já sabe sobre a renegociação das parcelas em aberto, que tal descobrir qual é a importância do seguro na compra e no financiamento do carro? Preparamos um post especial sobre o assunto!

Atendimento BV