8 dicas de organização de rotina para autônomos

Trabalhar por conta própria e se livrar do chefe é o sonho de muita gente. Confira como se preparar para ter sucesso como autônomo!

Categoria: Orientação Financeira

Cada vez mais, as pessoas vêm investindo em uma carreira freelancer, acreditando no potencial de ganhar dinheiro em casa. No entanto, é necessário muita disciplina e organização de rotina para autônomos, especialmente para quem deseja atuar no conforto do próprio lar.

Apesar de as fotos de banco de imagem mostrarem ambientes relaxantes e tranquilos, com pessoas dando mais atenção às suas generosas canecas de café do que ao trabalho, a verdade é que o dia a dia do autônomo é bastante corrido e depende de foco para que a rotina funcione na prática.

Acompanhe nossas 8 dicas para ter uma carreira autônoma organizada!

1. Crie um ritual matinal

Um bom ritual matinal para ter horas de trabalho produtivas começa, na verdade, ainda no dia anterior. Preparar um planejamento do que será feito no dia seguinte, priorizando as tarefas mais urgentes ou importantes e deixando as menos essenciais para depois, é fundamental. Por mais que se deseje ser produtivo e fazer o máximo possível em 24 horas, é preciso saber se organizar, sob o risco de não conseguir fazer nada direito e perder mais tempo em refações.

Além disso, dormir bem é necessário. Cada um sabe do que seu organismo precisa, mas dormir por 8 horas diárias, em média, costuma ser a medida ideal para a maioria das pessoas. Procurar relaxar e deixar estímulos como celular, TV e bebidas adoçadas ou alcoólicas de lado 2 horas antes de ir para a cama é uma boa pedida.

Ao acordar, nosso ritual matinal vai fazer mais sentido, se já soubermos a quais atividades devemos nos dedicar e se estivermos reenergizados após uma boa noite de sono! Aí, a rotina vai depender de cada um e de suas necessidades ou demandas. Mas algumas coisas que fazem bem são:

  • tomar um banho para ajudar o corpo a despertar;
  • preparar um café da manhã nutritivo — café e pão com manteiga é ótimo, mas procure adicionar uma fruta ao cardápio;
  • conferir e-mails e redes sociais logo cedo, para não se distrair com mensagens ao longo do dia;
  • fazer exercícios também ajuda algumas pessoas a colocar os níveis de energia lá em cima;
  • finalmente, começar a trabalhar nas atividades programadas no dia anterior.

2. Tenha um local de trabalho adequado

Hoje em dia, muitos autônomos trabalham em casa. Contudo, mesmo aqueles que contam com um escritório fora de sua residência, não se preocupam muito com o ambiente onde suas tarefas são desempenhadas, por não receberem clientes ou para economizarem com material de escritório.

No entanto, ter um ambiente adequado para desenvolver suas tarefas é importantíssimo para que o resultado seja o melhor possível — mesmo que seja um cantinho no aconchego do lar, desde que o espaço seja exclusivo para o trabalho. As necessidades de cada profissional variam bastante, mas alguns elementos costumam ser comuns a todos. Entre eles:

  • excelente conexão à internet;
  • boa iluminação;
  • mobiliário adequado e ergonômico, para evitar dores no corpo e problemas de saúde;
  • papel e caneta sempre à mão;
  • acesso fácil à copa ou à cozinha, onde seja possível ter frutas, água e outros alimentos sempre à disposição para os momentos de intervalo.

Ter os materiais e os conteúdos organizados também é importante. Saiba onde estão documentos, relatórios e outros registros que possam ser necessários ao longo do dia, para não perder tempo tendo que procurá-los.

3. Defina metas e objetivos claros

Saber onde se quer chegar é o primeiro passo para uma carreira autônoma de sucesso. Quando falamos da necessidade de ser ter um planejamento para um ótimo dia de trabalho, na verdade estamos falando dos pequenos passos dados no cotidiano e que fazem parte de um plano ainda maior: nossas metas como profissionais e, também, nossos objetivos pessoais.

O número de clientes que se deseja atender, o retorno financeiro que eles devem trazer para o seu negócio, a expansão das suas atividades e os valores necessários para investir em novos equipamentos e para tirar férias ou trocar de carro, entre outros, são exemplos de metas profissionais e pessoais a serem definidas e buscadas a cada dia. Elas motivam e dão o impulso necessário para trabalhar com foco e determinação.

4. Respeite os momentos de descanso

Embora sempre se deseje ir além na busca por reconhecimento e retorno financeiro, é preciso saber respeitar os momentos de descanso. Afinal, não somos máquinas, e precisamos de horas de lazer, sono e diversão. Viver somente para trabalhar não dá, não é mesmo?

É comum que os profissionais autônomos trabalhem mais do que as 8 horas diárias comuns às pessoas com carteira assinada, justamente porque precisam garantir sua remuneração — que não é certa ao final de cada mês —, independentemente da quantidade de tempo necessário para isso. Ainda assim, é preciso saber a hora de parar e dar um descanso para o corpo e para a mente. Isso tem, inclusive, um impacto na produtividade do dia seguinte.

A síndrome de Burnout, que foi classificada como doença pela Organização Mundial da Saúde (OMS), atinge 32% dos brasileiros. Ferramentas como o Trello ajudam a se organizar para ter um dia produtivo e, ainda assim, conseguir parar para relaxar.

5. Separe um tempo para se aprimorar em sua área de atuação

Apesar da rotina corrida, é fundamental separar um tempo para o aprimoramento profissional. Manter-se atualizado com as tendências e tecnologias que envolvem uma atividade ou área de atuação ajuda a poupar tempo e a aumentar os rendimentos mais adiante. Aqui, a dica é acompanhar as notícias do seu segmento diariamente e, sempre que possível, investir em cursos com especialistas.

6. Dê prioridade aos seus clientes

Priorizar o bom atendimento aos clientes que você já tem, geralmente, é a melhor maneira de manter uma renda constante e de alcançar a tão sonhada lucratividade do seu negócio individual. Isso porque o custo de atrair novos clientes é bem maior, e, nem sempre, o resultado é garantido. Além disso, consumidores satisfeitos tendem a indicar o seu trabalho a outras pessoas, o que reduz o investimento em captação de novas oportunidades.

7. Use a tecnologia a seu favor

Além do Trello, outros recursos tecnológicos podem ser bastante úteis para aumentar a produtividade. Agendar horários para determinadas atividades em calendários virtuais, investir em um computador mais potente ou em uma conexão à internet mais veloz e apostar em apps que trazem melhoria de performance são algumas ideias. Usar as redes sociais para atrair clientes também é uma boa!

8. Separe a renda pessoal da profissional

Os gastos com água, energia elétrica, internet e qualquer outro custo do negócio devem ser separados, para que os valores referentes a esses pagamentos estejam garantidos todos os meses. Somente depois de assegurar que as contas estejam pagas e que a empresa (mesmo sendo individual) tem condições de operar é que o profissional autônomo deve separar a parte que cabe ao seu “salário”. Isso evita confusões e falta de recursos.

Esperamos que tenha gostado das dicas! Com disciplina, muita dedicação ao trabalho e organização de rotina para autônomos, fica mais fácil alcançar metas e tornar seu empreendimento individual um sucesso!

Para saber mais sobre o assunto, sugerimos a leitura deste artigo sobre as diferenças entre orçamento, controle e diagnóstico financeiro. Confira!

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.