Descubra quais são os aparelhos que mais consomem energia elétrica

Preocupado com o valor alto da conta de luz? Então, descubra os aparelhos que mais consomem energia e como economizar no seu uso!

Categoria: Financiamento para Energia Solar

É uma situação comum: chega a conta de luz e o valor supera muito o esperado sem aparentemente ter tido qualquer mudança na rotina. O consumo consciente é essencial para manter as contas em dia, mas, para evitar surpresas ao receber a fatura, é importante também conhecer quais são os aparelhos que mais consomem energia.

Entre os equipamentos que apresentam maior taxa de consumo e exigem atenção redobrada ao seu uso, estão ar-condicionado, geladeira, chuveiro elétrico e videogame. Confira quais aparelhos consomem mais energia e o que você pode fazer para gerenciar melhor os gastos na residência.

1. Ar-condicionado

Quando o assunto é sustentabilidade e consumo de energia elétrica, o ar-condicionado é um dos aparelhos que deve ficar no radar. O equipamento, apesar de ter consumo similar a um chuveiro elétrico, tem mais impacto na conta devido ao tempo que fica ligado. Quando a temperatura sobe, fica difícil passar sem ele, não é?

O modelo também tem relação direta com o consumo de energia. Segundo dados do Centro Brasileiro de Informação de Eficiência Energética (Procel), aquele que for menor ou igual a 9 mil BTU/h tem consumo médio mensal de 128,80kWh se usado por 8 horas em 30 dias.

Durante o mesmo período e tempo de uso, um split maior do que 30 mil BTU/h consome 679,20. Ou seja, uma das formas de reduzir o consumo de energia com o uso de ar-condicionado é buscar um aparelho adequado ao tamanho do cômodo. Não é necessário, por exemplo, um com alta capacidade para um espaço pequeno. Você gastará mais sem necessidade.

2. Geladeira

Entre os aparelhos que mais consomem energia, está também a geladeira. Um modelo de uma porta tem consumo médio mensal de 25,20kHw. Já uma de duas portas frost free consome 56,88kHw por mês.

Uma das dicas para reduzir o consumo de energia com esse equipamento que inevitavelmente tem que ficar ligado 24 horas por dia é mantê-lo sempre longe do fogão. Isso porque o aparelho gasta mais energia para compensar o calor transmitido pelo outro.

Importante também não abrir a porta da geladeira toda hora. Ou seja, quando for cozinhar, retire todos os ingredientes do aparelho de uma só vez. Verifique também se a geladeira está com a vedação em dia. Isso é essencial para evitar que o calor de fora entre nela, o que exigirá mais trabalho para resfriar.

3. Chuveiro elétrico

Outro aparelho que, se mal utilizado, será um vilão da conta de luz é o chuveiro elétrico. Seu consumo mensal pode chegar a 88kHW com uso diário de 32 minutos. Para reduzir seu impacto na conta, busque por um com menor potência.

Um chuveiro com 4500W, por exemplo, gasta 72kHw por mês. Além disso, não se esqueça de desligar o chuveiro enquanto não estiver usando a água. Ao ensaboar o corpo, se barbear ou colocar xampu no cabelo, por exemplo. Fique de olho, ainda, no tempo de banho. Quanto menos ficar no chuveiro, menor o impacto na conta.

4. Videogame

É inegável que o videogame é um companheiro e tanto para adultos e crianças na hora do lazer. No entanto, o aparelho desequilibra o orçamento doméstico se usado em excesso. Em 4 horas diárias durante metade do mês, um videogame tem consumo médio mensal de 1,44kHw, segundo dados do Procel.

O gasto de energia por hora é ainda maior dependendo do modelo do aparelho. Em geral, videogames mais novos, como o PS4 ou Xbox One, gastam mais energia do que versões anteriores.

Se o objetivo é reduzir a conta de luz e se manter no azul, use menos vezes o equipamento e controle também as horas de jogo. Não se esqueça também de desligar o videogame após jogar, sem deixar o aparelho em modo de espera. Afinal, mesmo em standby, ele consome energia.

5. Micro-ondas

Esse é um dos aparelhos mais usados por quem tem uma rotina corrida. Com sua ajuda, em poucos minutos, há uma refeição pronta na mesa. Apesar de sua praticidade, o aparelho afeta as finanças por aumentar muito a conta de luz.

Um forno micro-ondas de 25 litros consome, em média, 13,98kHw por mês se usado todos os dias por 20 minutos. Para gastar menos em energia, considere deixá-lo apenas para emergências, preferindo o fogão. Outro cuidado é buscar por aparelhos mais eficientes energeticamente e sempre tirá-lo da tomada quando não estiver usando.

6. Televisão

A televisão é outro aparelho que exige atenção. Um modelo de LED de 42 polegadas consome 30,45kHw por mês com 5 horas diárias de uso. Para gastar menos energia, limite o uso do equipamento e sempre tire da tomada quando não estiver assistindo.

Outro hábito importante é não deixar a TV ligada o dia inteiro, deixando para os momentos em que ela realmente estiver sendo usada. Outra dica é optar por LED em vez de LCD, que consome mais energia. Pense nisso na hora de sacar o seu cartão de crédito para comprar uma TV nova.

7. Carregador de celular

Um carregador de celular consome, em média, 0,26kHw quando não está sendo usado. Esse consumo vai para até 5kHw quando um celular totalmente carregado está plugado nele. Se quiser reduzir sua conta de luz, uma boa prática é manter seu carregador fora da tomada. Além disso, fique de olho no celular quando estiver sendo carregado. Assim que a bateria estiver completa, retire o aparelho e o carregador da conexão.

8. Cooktop elétrico

Uma alternativa para quem tem pouco espaço na cozinha, o cooktop elétrico é outro vilão do consumo de energia elétrica. Mesmo que você use o aparelho apenas uma hora por dia, seu consumo médio mensal é de 68,55kHw. Para economizar, use o aparelho apenas quando necessário e cozinhe toda a refeição de uma só vez para não ter que ligar e desligar várias vezes.

Se a intenção é reduzir a conta de luz, é preciso saber quais aparelhos consomem mais energia para adotar as medidas certas. Entre elas:

-não deixar aparelhos no modo stand-by;

-aproveitar a luz natural no dia a dia;

-sempre desligar eletrônicos depois de usar;

-preferir aparelhos com maior eficiência no consumo de energia.

Agora que você já sabe quais são os aparelhos que mais consomem energia e alguns hábitos eficazes para reduzir a conta de luz, é hora de colocar as dicas em prática e manter seu planejamento financeiro em dia.

Tem mais alguma dica para reduzir o consumo de energia em casa? Conta para a gente nos comentários!

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.