Entenda o que é observado ao calcular o valor do seguro do carro

Você já parou para pensar em como as seguradoras chegam ao valor do seguro do carro? Há muita coisa levada em consideração. Saiba mais neste artigo!

Categoria: Seguro Veículos

Categoria: Seguro Veículos

Existem diversas variáveis que impactam o valor do seguro do carro e elas vão muito além do modelo e do tipo de franquia. Você sabe dizer quais são os principais critérios adotados pelas seguradoras e como influenciam o preço final?

Ter consciência dessas informações é importante para saber de que modo a empresa chegou ao valor e até para poder negociá-lo, sabendo como escolher o seguro de carro da melhor maneira possível. Confira, a seguir, quais são as variáveis consideradas e por que elas afetam o preço final!

Características do veículo

Características do veículo interferem diretamente no valor do seguro, para cima ou para baixo. Veja quais são elas.

Valor do carro

Esse é um dos principais critérios na composição do valor do seguro do carro. Afinal, quanto mais caro for o modelo, maior será o preço, já que a seguradora precisa reembolsar você de forma compatível, não é? Na hora de fazer os cálculos, utiliza-se um percentual sobre o valor do carro pela tabela FIPE.

Modelo do veículo

Esse também é um ponto importante, às vezes até mais que o valor do automóvel. Mas por que isso acontece? Mesmo que você escolha um modelo mais barato, se ele for muito visado para furtos e roubos, o seu seguro será mais caro.

Portanto, a seguradora faz uma análise a respeito dos índices de furto e roubo do modelo em questão. Caso ele seja alto, o prêmio (custo) do seu seguro também será maior. Por tal motivo, tenha em mente que não é apenas o valor do carro que vai determinar o total que você terá de pagar.

Locais frequentados

As regiões onde você mora e frequenta influenciam diretamente o custo do seguro do auto. Isso significa que lugares considerados de risco alto para furto e roubo são mais afetados. Para a análise, as seguradoras tendem a solicitar o endereço de onde o carro "dorme" (chamado tecnicamente de pernoite).

Além da área, também é avaliado se o veículo fica estacionado na rua ou em uma garagem durante a noite. Mais uma vez, entra o fator risco: quanto maior ele for, mais alto será o valor do seu prêmio.

Uso do carro

Aqui, estamos falando de possibilidades. As chances de sofrer qualquer sinistro, como um acidente, são maiores quando você passa mais tempo rodando. Então, o risco para a seguradora entra em cena mais uma vez.

Um bom exemplo de seguro mais caro é o para cobertura de carros usados por empresas. Como eles rodam todos os dias, por horas, o prêmio é mais alto. Do lado oposto, há os veículos de passeio, utilizados apenas aos finais de semana. O custo para eles é bem inferior.

Dispositivos e acessórios

Se você resolveu investir em itens que ajudam a aumentar a segurança do carro, pode pagar menos pelo prêmio do seu seguro. É o caso do rastreador. Com ele, o automóvel pode ser localizado com mais facilidade em caso de furto ou roubo, o que aumenta as chances de ele ser recuperado.

Nessa situação, a seguradora precisa pagar apenas a indenização parcial — e não integral, como acontece na perda do veículo. Isso reflete no valor final do seguro, que tende a ficar mais barato para o seu bolso. O mesmo vale para alarmes e bloqueadores.

Porém, existem complementos de proteção que também elevam o valor do seguro, como é a blindagem. Apesar de, teoricamente, proporcionar mais segurança, a manutenção desse veículo é mais cara e requer a mão de obra de um especialista. Há a opção de seguro garantia mecânica, mas aí é um gasto a mais para o seu bolso, não acha?

Isso também vale para outros itens como aparelho de DVD ou um som mais caro, visto que podem atrair mais a atenção de assaltantes. Então, se gera mais risco, a tendência é a de que a seguradora cobre mais.

Características do seguro

As variáveis ligadas ao próprio seguro integram a formação do preço final. Não deixe de avaliar também os tipos de seguro de automóvel existentes e encontrar a alternativa mais vantajosa para as suas necessidades na hora de escolher.

Coberturas contratadas

Há uma opção básica que é bem comum. Ela oferece proteção em caso de acidentes, furto ou roubo. Algumas empresas no mercado incluem ocorrências por enchente.

Ainda, outras situações podem ser acrescentadas ao plano e vão subir o valor no final das contas. Então, na hora de contratar o seguro, faça uma análise de quais coberturas você precisa ter e como elas vão impactar o orçamento.

Franquia

Basicamente, franquia é aquilo que você paga para a empresa sempre que precisa utilizar o seguro, o que é chamado de "ocorrência de sinistro". Tudo que ultrapassar tal valor é coberto pela seguradora.

Devido a isso, se você escolhe uma franquia que oferece um custo mais baixo, o valor do seguro do carro acaba ficando maior. Então, na prática, você economiza um pouco todos os meses, mas vai gastar mais quando precisar do serviço.

Características do motorista

Por fim, também temos o perfil do motorista. Ele apresenta total relação com a cobrança do seguro do carro.

Histórico do motorista

É avaliado o histórico do motorista na hora de realizar os cálculos. Se você já se envolveu em acidentes, por exemplo, será considerado um risco mais alto de reincidência. Como consequência, o valor do seguro do carro aumenta.

É importante reforçar aqui que isso não está ligado ao veículo. Então, você não sofre essa penalização se tiver comprado um automóvel seminovo, mas pode pagar mais por um zero quilômetro, se houver histórico de sinistro na sua direção.

Idade

Pessoas mais novas costumam ter um prêmio mais alto, devido à tendência de alto risco de sinistros. Ou seja, quanto mais velho o condutor for, considera-se uma menor chance de perdas, o que barateia o seguro.

Tempo de experiência

O tempo de experiência é mais um ponto determinante, já que de nada adianta você ter um pouco mais de idade, mas ser recém-habilitado.

Gênero

De acordo com uma pesquisa feita em 2017, em São Paulo, menos de 7% dos responsáveis por acidentes de trânsito graves eram do sexo feminino. Então, podemos deduzir que o seguro para mulheres tende a ser um pouco mais barato, não é?

Como você pôde ver, o valor do seguro do carro é calculado com base em diversos critérios. Porém, basicamente, tudo gira em torno do risco assumido pela seguradora, que é proporcional ao valor do prêmio.

Entre em contato conosco para tirar as suas dúvidas sobre o assunto e entender melhor como se dá a contratação de um seguro!

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.