Seguro apartamento: como manter sua conquista protegida?

Quer saber mais sobre como manter sua casa protegida com o seguro apartamento? Entenda tudo com aqui!

Categoria: Seguro Casa

Categoria: Seguro Casa

Morar em apartamento pode trazer a sensação de estar mais protegido contra furtos, roubos e fenômenos naturais do que viver em uma casa. Mas todo tipo de moradia está exposta a sofrer danos. Assim, o seguro apartamento pode cobrir prejuízos que pesam no bolso quando o imóvel está desprotegido.

Hoje em dia, o seguro residencial não se restringe apenas a evitar danos, mas também a contribuir para serviços de reparos, garantindo a manutenção da moradia. Cabe ao morador escolher o tipo de cobertura que mais se encaixa ao local onde mora, bem como identificar as necessidades que poderão surgir.

Se você tem dúvidas se vale a pena ou não fazer um seguro apartamento, nós vamos detalhar como ele funciona. Ah, e se o imóvel é alugado, esse tipo de serviço pode ser uma mão na roda, tanto para o dono, quanto para o inquilino. Confira!

Como funciona o seguro apartamento?

Saiba como funciona o seguro de imóvel e conheça a melhor cobertura para o seu caso.

O seguro residencial para apartamento é uma forma de se proteger financeiramente contra eventuais danos. Ele pode ser feito por qualquer pessoa, tanto para o local de moradia quanto para o de veraneio, em regiões urbanas ou rurais.

Quem já precisou fazer algum reparo em um imóvel sabe a diversidade de prejuízos que ele pode dar como vazamentos, queima de aparelhos por queda de energia, furto, roubo, acidente doméstico, entre outros problemas. Assim, arcar com todas despesas de cada manutenção pode comprometer o orçamento e acabar levando ao endividamento.

Para fazer o seguro, você escolhe quais danos deseja que a apólice cubra e paga o valor. No caso de alguma ocorrência em que você aciona a seguradora, é preciso enviar alguns documentos, o que pode incluir imagens e até laudos.

Dessa forma, caso o problema esteja na cobertura do seguro, é registrado o sinistro e a empresa segue para a indenização.

Assim como outros tipos de seguro, existe a Participação Obrigatória do Segurado (POS), que é a franquia que você paga para custear parte dos reparos. Ele é usado quando há danos com perdas parciais.

O que o seguro apartamento cobre?

A proteção da estrutura do imóvel é o alvo principal, mas é possível incluir bens que venham a ser perdidos ou danificados. Alguns tipos de cobertura protegem contra:

- incêndio e explosões causadas pelo fogo;
- queda de raio, árvore ou aeronave;
- vendavais e enchentes;
- quebra de vidros, como janelas e portas;
- desmoronamento parcial ou total;
- furtos e roubos;
- acidente doméstico, oferecendo atendimento médico;
- responsabilidade civil familiar, em que dá assistência a terceiros;
- pagamento de aluguel temporário em outro endereço, caso precise sair do imóvel para algum reparo ou condição;
- assistência residencial, com serviços de reparo elétrico e hidráulico, chaveiro, segurança, etc.

E quando vale a pena contratar seguro residencial? Saiba, por exemplo, que o seguro contra incêndio para apartamentos é essencial para que você se sinta mais confortável na sua própria casa.

Assim, o seguro de apartamento permite que você escolha quais coberturas ter na sua apólice, para que ela atenda ao que realmente precisa. Por isso, quando um seguro contratado inclui uma variedade de riscos, ele também pode ser chamado de seguro multirrisco.

Como fica para quem vive em condomínio?

Entenda como o seguro de apartamento pode ajudar no seu caso, mesmo morando em condomínio!

Quem mora em condomínio, o seguro para apartamento protege o que acontece do lado de dentro do imóvel. Se algo de dentro do apartamento prejudica outro morador, existe a cobertura de responsabilidade civil familiar, que atende a terceiros.

Seria o caso, por exemplo, de ter atendimento emergencial se uma visita for ao seu apartamento e cair na área comum do condomínio. Outro caso seria a queda de um item da sua janela que atinge alguém do lado de fora.

Quem tem crianças pode usar essa cobertura caso elas quebrem algo ou danifiquem a estrutura de outro apartamento no condomínio.

O seguro apartamento é opcional, mas os moradores normalmente pagam o seguro de condomínio, que cobre danos apenas nas áreas comuns do prédio. Essa proteção é cobrada na cota condominial. Assim, mais adiante vamos falar como o seguro apartamento funciona para imóveis alugados.

Quais coberturas escolher no seguro residencial?

Agora que você já sabe poder escolher o que colocar no seguro, saiba quais coberturas escolher no seguro de apartamento.

Confira, a seguir, alguns passos para orientar você na hora de escolher pela proteção residencial:

1. Antes de fazer o seu seguro, confira qual é o tipo de plano que o condomínio contratou. De modo geral, a cobertura dele envolve as partes externas e a estrutura do edifício contra eventos como incêndio, vendaval, queda de árvore, etc.

2. Casos como queima de aparelhos por queda da rede elétrica não costumam ser responsabilidade do condomínio, mas da própria distribuidora de energia. Portanto, contra esse tipo de prejuízo, é o seguro apartamento que cobre.

3. Liste quais são as coberturas que você quer ter na apólice, inclusive se quer proteger alguns bens dentro do imóvel.

4. Pesquise por seguradoras de confiança. Tire todas as suas dúvidas e leia atentamente o contrato para ter certeza do que está na sua apólice e sob quais condições vai ter indenização. Então, observe o que o contrato não cobre, nos chamados “riscos excluídos”.

5. Confira qual será o valor que você vai pagar pela apólice, quais as formas de pagamento e se ela se encaixa no seu bolso. A proteção do seu lar não dispensa a necessidade de um planejamento financeiro.

Como funciona seguro apartamento em imóvel alugado?

Saiba o que é preciso sobre o seguro de imóvel alugado e proteja-se!

Quem aluga um apartamento pode ter que pagar seguro residencial, caso seja uma exigência no contrato. Assim, o proprietário ou a imobiliária pode solicitar que o inquilino contrate a cobertura contra incêndio, que é a mais básica e, se quiser, acrescentar proteção para outros danos.

Dessa forma, um seguro de apartamento com assistência domiciliar, por exemplo, pode ser uma solução para o inquilino que precisa de algum reparo emergencial. Além disso, reduz a burocracia de ter que contatar o proprietário para qualquer necessidade.


E seguro habitacional do financiamento imobiliário?

Na hora de financiar um imóvel, o contrato do banco costuma exigir um seguro habitacional. A principal função dele é custear a dívida em caso de morte ou invalidez permanente do titular. Esse tipo de seguro pode incluir cobertura contra danos físicos ao imóvel.

De acordo com a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), o seguro habitacional é obrigatório. No entanto, a contratação não precisa ser na mesma empresa onde o financiamento é feito.

Vantagens do seguro apartamento

Então, sinta-se confortável e protegido com o seguro apartamento!

O seguro apartamento é uma forma de proteger não só o imóvel como também os bens, você e as pessoas que visitam seu espaço. Algumas das vantagens de contratar esse tipo de seguro são:

- Minimiza os prejuízos na recuperação dos danos;
- Garante a manutenção do imóvel através da cobertura de assistência residencial, com profissionais para serviços de eletricista, encanador e chaveiro, além de conserto de eletrodomésticos.

Seguro casa do BV

Você pode fazer o seguro de apartamento em uma instituição de confiança como a BV Corretora de Seguros. Aqui você conta com opções de cobertura que protege você e seu imóvel contra os principais imprevistos escolhidos no plano.

Além da cobertura contra prejuízos, existe a assistência 24 horas, que possui serviços de profissionais para atender a qualquer momento. Sabe aquele chaveiro que vem até de madrugada quando você perde a chave?

Você ainda pode participar de sorteios mensais pela Loteria Federal, de acordo com o plano escolhido.

Quer saber como a BV Corretora de Seguros protege o seu apartamento? Confira os nossos seguros e assistências para o seu lar!

 

“Através do nosso blog você tem acesso às informações atualizadas e relevantes do mercado financeiro. No entanto, as informações aqui apresentadas têm como única intenção o caráter informativo, estando baseadas em dados de conhecimento público, não significando, portanto, quaisquer compromissos por parte do Banco BV e não constituem uma obrigação ou um dever para o leitor. O conteúdo disponibilizado é elaborado por terceiros e publicado pelo Banco BV. O Banco BV e suas empresas coligadas se eximem de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material e de seu conteúdo. Dúvidas, sugestões e reclamações, entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo telefone 0800 728 0083 ou pelo e-mail sac@bv.com.br. Deficientes Auditivos e de Fala: 0800 701 8661. Se desejar entrar em contato com a Ouvidoria, ligue para 0800 707 0083 (Deficientes Auditivos e de Fala: 0800 701 8661)”.

Atendimento BV