Como fazer renda extra sem sair de casa?

Já pensou sobre o assunto? Dá uma olhada no que os nossos parceiros do Juros Baixos tem pra falar!

Categoria: Orientação Financeira

Sem dúvidas, ganhar dinheiro sem sair de casa sempre foi o sonho de muitas pessoas, seja como busca de uma nova fonte de renda, seja para complementar os ganhos de cada mês. Porém, alguns anos atrás, o que parecia um sonho distante, hoje é uma realidade para muitas pessoas graças à internet.

Muitas atividades hoje podem ser feitas remotamente, e isso inclui tarefas que você pode começar a fazer para complementar a sua renda e melhorar suas finanças pessoais.

E esse modelo de trabalho oferece diversas vantagens, desde maior flexibilidade de horários, evitar o trânsito das grandes cidades a contornar a crise — em especial no período conturbado em que estamos com a pandemia do novo coronavírus —, mesmo se você perdeu o emprego, teve o salário reduzido ou seu negócio afetado.

Se está buscando uma forma de gerar uma renda extra ou apenas aproveitar mais tempo em casa e com a família, esse post pode ajudar você. Separamos algumas formas de ganhar dinheiro sem sair de casa. Confira!

Tome cuidados ao trabalhar de casa

Mesmo antes do isolamento social, algumas empresas já atuavam com regimes de home office. Mas é fato que essa será uma tendência cada vez maior. Se esse for o seu caso ou se você pensa em trabalhar de forma autônoma, é importante ter alguns cuidados para que seja produtivo e saudável.

Pense se serão necessários investimentos para dar início ao novo projeto. O ideal é que você tenha algum valor guardado. No entanto, caso essa não seja sua situação, você pode recorrer a empréstimos para investir no seu negócio.

Preste atenção ao seu ambiente de trabalho: cadeiras confortáveis, mesas organizadas, ambiente com iluminação adequada e sem distrações. Faça refeições saudáveis e pausas adequadas. Lembre-se de que, mesmo trabalhando de casa, é preciso um limite para que você possa se dedicar de forma adequada e com qualidade.

Estude ou aprenda algo novo para ganhar renda extra

Vamos apresentar uma lista de ideias que podem te ajudar a gerar fontes de renda sem sair de casa. Caso nenhuma delas se adeque à sua realidade, há sempre a possibilidade de aprender algo novo para complementar a sua renda.

Em sites de cursos online, como Udemy, Coursera, Fundação Bradesco etc., você encontra centenas de cursos para se capacitar e aperfeiçoar suas habilidades como designer, vendedor, programador e mais.

Depois de dedicar o seu tempo para aprender algo novo, você pode contar com a indicação de conhecidos para começar a adquirir clientes ou fazer um cadastro em sites especializados.

Não se esqueça de que o valor que você vai ganhar trabalhando em casa vai depender muito da sua dedicação e esforço. A seguir, veja 10 formas de ganhar um dinheiro a mais trabalhando em casa.

1. Venda suas coisas paradas

Essa talvez seja a forma mais rápida e direta de fazer uma graninha extra para ajudar nas contas do mês. Aproveite o tempo que ganhou em casa para arrumar suas coisas e tirar aquelas roupas que não usa mais.

É possível vender de tudo: roupas, livros, eletrônicos parados, sapatos e até produtos de beleza (fechados e dentro do período de validade!). Alguns sites podem ajudar, como o Mercado Livre e o OLX. Porém, tenha cuidado ao vender nesses sites:

  • Certifique-se de que o comprador tem boas intenções e preze pela sua segurança;
  • Confira taxas, valores de entrega e serviços embutidos na plataforma que você utilizar para comercializar seus itens. Faça uma comparação entre elas e escolha a melhor para você;
  • Capriche na foto e na descrição dos produtos no site. Assim, fica mais fácil você conseguir vender eles;
  • Seja responsável na entrega e certifique-se de que o produto está em bom estado e devidamente higienizado.

2. Venda produtos artesanais ou por encomenda

Costura, biscuit, itens de decoração, quadros ou itens para presente. Se você tem habilidades manuais, é provável que possa começar a vender produtos pela internet.

Comece divulgando para amigos e conhecidos. Depois, você pode expandir e criar uma página para seus serviços e buscar um serviço de transporte para entregas mais distantes. Há também a opção de marketplaces ou de criar uma loja virtual para atender mais regiões.

3. Venda doces, salgados ou marmitas sob encomenda

Sabe cozinhar? Tem uma receita única que agrada todos os seus amigos? Talvez seja a hora de utilizar esse talento para complementar sua renda. Com mais pessoas pedindo comida por delivery, o ramo tem se tornado cada vez mais atrativo.

Podem ser desde refeições para o dia a dia, como as conhecidas “marmitas fit”, até bolos, doces e salgados para ocasiões especiais.

Não se esqueça de conferir a higiene e logística de entrega dos produtos. E considere, no preço cobrado, o quanto gasta e quanto rendem os ingredientes, além do seu tempo, mão de obra e utensílios utilizados.

4. Seja freelancer

Essa é uma excelente opção tanto para quem deseja complementar a renda quanto para quem deseja iniciar uma nova carreira. Existem diversos sites que conectam profissionais autônomos a clientes e várias demandas podem ser realizadas remotamente, como serviços na área de marketing ou design.

Acesse os sites que oferecem essas conexões, compare e escolha aquele que se adequa melhor à sua necessidade. O ideal é testar alguns deles para ver as taxas cobradas. Podemos citar o GetNinjas, Workana, Freelancer.com, Upwork etc.

5. Aulas, consultorias e cursos online

Tem alguma experiência ensinando pessoas? Ou tem um grande conhecimento em uma área que pode ser compartilhado? Muitas pessoas têm aproveitado o período em casa para estudar e aprender novas habilidades.

Pense não apenas em conhecimentos de disciplinas tradicionais, como português e matemática, mas em todo tipo de informação, como idiomas, música, dança, culinária, artesanato, programação, organização pessoal e educação financeira.

Você pode oferecer suas aulas por videochamada, WhatsApp, em um canal no YouTube ou, até mesmo, hospedar em uma plataforma digital. Conheça seu público e mostre o valor do seu conteúdo.

Se pensa em criar um curso online, é interessante pensar em formas de enriquecer o conteúdo, como vídeos, apostilas, jogos, exercícios e diferentes experiências de ensino. Dessa forma, com um único material, você pode realizar muitas vendas e ensinar várias pessoas ao mesmo tempo.

6. Produza conteúdo em um blog ou canal no YouTube

Se você tem um conhecimento específico, é possível criar um blog ou canal de vídeos para falar desse assunto e rentabilizar o conteúdo. Depois disso, você pode usar o seu blog para exibir anúncios do Google Adsense, divulgar produtos e serviços seus e de terceiros ou promover consultorias online.

Se você não tem vergonha de aparecer na frente das câmeras, investir em um canal de YouTube pode ser interessante, já que você pode aproveitar e monetizar os seus vídeos e começar a receber pelas visualizações do conteúdo.

Em ambos os casos, tenha em mente o público que pretende atingir e faça um planejamento, para definir o tema que desenvolverá.

7. Invista em franquias digitais

Franquias, assim como outros segmentos de mercado, foram afetadas pela crise da pandemia do COVID-19. Porém, existem redes que conseguiram manter sua operação online ou em aplicativos, com o modelo home office.

Faça uma pesquisa e verifique se você se identifica com a proposta da franquia e qual é o investimento necessário para ser um franqueado. Além disso, conheça a marca e organize as suas finanças para conseguir conduzir o negócio no período inicial, que costuma ser mais difícil e não gerar tanto lucro.

Caso necessário, pesquise por linhas de crédito com juros mais baixos, como o refinanciamento de veículos, para conseguir o valor inicial para investir na sua franquia digital com tranquilidade.

8. Seja um afiliado

Sua função como afiliado seria divulgar produtos digitais em troca de uma comissão por venda realizada. No caso de afiliados de produtos ou serviços digitais, as vendas são contabilizadas por meio de um link personalizado que identifica o vendedor.

Assim como ser um revendedor, para ser um afiliado, não é necessário criar ou pensar em um produto do zero. Por isso, tende ser mais uma forma mais fácil e barata de conseguir dinheiro sem sair de casa.

Pesquise por empresas que você considera o produto interessante e têm um programa de afiliados. Faça o cadastro no programa que mais combina com você e seu público. Em seguida, é só começar a vender. Você pode indicar para amigos, nas redes sociais, em seu blog, site ou canal de vídeos.

9. Revenda produtos

É possível fazer um cadastro em sites de redes revendedoras de cosméticos, roupas e outros produtos. Algumas empresas podem exigir investimento inicial e outras começam as vendas sem custo. Por esse motivo, é necessário pesquisar antes e conhecer aquela que oferece as melhores condições.

Cuidado com esquemas milagrosos de pirâmide e promessas muito mirabolantes, pois pode ser um golpe e gerar prejuízos. Dessa forma, sempre procure informações da empresa e tente conversar com outros revendedores para entender quanto é a média de lucro.

10. Procure por aplicativos e plataformas digitais para complementar a renda

Existe uma diversidade enorme de plataformas que podem te auxiliar, caso queira desempenhar um trabalho autônomo. Mencionamos algumas, como o Workana e o GetNinjas, para conectar freelancers a clientes interessados em contratar seus serviços.

Mas existem outras categorias de aplicativos, que podem ajudar você a economizar dinheiro ou a ganhar mais. Um exemplo são aplicativos de opiniões, como o Google Opinion Rewards ou o PiniOn, em que você avalia alguma empresa ou responde algumas pesquisas em troca de algum valor em dinheiro.

Se você tiver um carro ou motocicleta, pode oferecer serviços de entrega ou de carona. Verifique os riscos de sair de casa e de enfrentar o trânsito. Tome todos os cuidados de higiene necessários e preste atenção na carga horária que está ocupando com esse trabalho.

Além desses, há outros aplicativos de serviços, como o Dog Hero, em que você pode se oferecer para cuidar de cães, o Make You, em que pode oferecer serviços de beleza, ou o Foap, em que pode vender suas fotos, caso seja um fotógrafo querendo opções para complementar a sua renda.

Comece agora a ganhar dinheiro sem sair de casa

Existem infinitas formas de fazer um dinheiro extra em casa. No entanto, como você pode ver, é preciso certa dedicação e criatividade. Esteja sempre atento às tendências, porque novas opções podem sempre surgir no mercado.

Esta lista traz apenas algumas opções de como fazer renda extra. Portanto, faça uma análise dos seus conhecimentos e veja em que tipo de serviço ou mercado gostaria de atuar. Você pode começar a empreender, deslanchar em uma nova carreira ou utilizá-la como um complemento ao seu salário atual.

Acompanhe nosso site para mais informações de como organizar a sua vida financeira e conquistar sua liberdade. Conhece outras formas de ganhar dinheiro sem sair de casa? Compartilhe essa matérias nas suas redes sociais! 

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.