Como quitar dívidas: conheça 5 formas de sair do vermelho

Quer saber como quitar as dívidas e sair do vermelho de uma forma mais simples e segura? Confira as dicas que preparamos para ajudar!

Categoria: Crédito Pessoal

Categoria: Crédito Pessoal

Ter uma vida financeira tranquila e organizada é certamente o desejo da maior parte das pessoas. Porém, sabemos que nem todo mundo está realmente disposto a mudar alguns hábitos, conter gastos e a se esforçar para manter as contas em dia.

Prova disso é o resultado da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), referente ao ano de 2020, realizada pela Confederação Nacional de Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), que aponta que a média das famílias que se declararam endividadas ficou em 66,5%, superando a média de 2019 (63,6%).

Apesar desse cenário, queremos ajudar a ter uma vida financeira mais organizada e que possibilite a realização dos seus sonhos. Pensando nisso, preparamos este artigo com 5 dicas valiosas de como quitar dívidas e sair de uma vez por todas do vermelho. Acompanhe!

1. Renegocie suas dívidas

Uma das primeiras ações que se deve tomar para sair do vermelho é buscar a renegociação de acordos com os seus credores. Para isso, é preciso entender quais são as suas possibilidades para a quitação do valor. Ou seja, é preciso que você já tenha em mente uma oferta, uma condição que seja favorável e justa e, principalmente, que seja possível de cumprir.

A renegociação de dívidas tem que ser baseada na transparência. Você deve procurar o seu credor e expor a vontade de fazer o pagamento. Porém, também deixe claras as suas condições. Assim, fica muito mais fácil chegar a um acordo que fique justo e interessante para todo mundo — afinal, assim como quitar dívidas é o que você busca, o credor também tem interesse em receber o valor.

2. Tenha metas de economia mensal

Outra ação que pode ajudar a sair do vermelho é ter uma visão a longo prazo. Nesse caso, a dica é fazer um bom planejamento financeiro e estabelecer metas de economia mensal. Ou seja, você pode definir que todos os meses fará um esforço para gerar algum tipo de economia dentro do seu orçamento. Quer um exemplo? Você pode diminuir R$ 100,00 em despesas no cartão de crédito todos os meses.

Com essa medida, aos poucos você vai aliviando as contas, tornando o seu orçamento mais organizado e, a partir disso, já pode pensar em como quitar dívidas de uma forma mais organizada. Uma dica é iniciar cortando gastos com:

  • itens desnecessários;
  • compras supérfluas;
  • lazer;
  • compras por impulso;
  • serviços não essenciais;
  • contas pessoais.

Se você parar para analisar os seus gastos, certamente perceberá que sempre existe algo que pode ser reduzido ou eliminado. Nesse caso, como o objetivo é sair do vermelho, vale a pena fazer um esforço por um período para pagar suas dívidas, concorda?

3. Troque dívidas caras por alternativas mais baratas

Mais uma alternativa para quem deseja sair do vermelho é procurar alternativas para substituir dívidas mais caras por opções mais baratas. Não sabe como fazer isso? Então, vamos explicar!

Existem despesas que têm um custo mais alto. Por exemplo, ao final de um financiamento de um veículo, o valor total pago é superior ao do bem. Isso é algo normal e acontece pelo simples fato de que no parcelamento há a cobrança de juros — o que torna o seu custo mais alto.

As taxas de juros variam de uma instituição financeira para outra, o que significa que o custo total pode ser maior ou menor a depender do banco responsável por conceder o crédito. Por essa razão, existe a possibilidade de transferir o financiamento — o que pode ser bastante vantajoso se as taxas de juros forem menores. Desse modo, o valor da despesa fica muito menor.

4. Eleja algumas prioridades

Para quem tem diferentes dívidas, eleger prioridades na hora de pagar é outra medida que facilita bastante a quitação. Nesse caso, é muito importante que você dê prioridade para o pagamento de dívidas com juros mais elevados e multas, como as de cartão de crédito e cheque especial.

Além disso, você também pode dar preferência para as dívidas mais antigas, pois certamente serão mais fáceis de serem negociadas, já que é muito comum os credores oferecerem condições mais vantajosas nesse caso.

Ao eleger prioridades para os pagamentos, você evita que uma dívida pequena se multiplique com os juros e desorganize ainda mais as suas finanças e ainda alivia o orçamento, dando os primeiros passos para sair do vermelho de uma vez por todas.

5. Considere fazer a consolidação das suas dívidas

Se você não sabe o que é consolidação de dívidas, não precisa se preocupar, pois é algo bastante simples. Na verdade, consolidação nada mais é do que centralizar as suas dívidas em uma única instituição.

Por exemplo, se você tem várias dívidas, de diferentes credores, pode ser mais difícil administrar todas elas, não é mesmo? Por outro lado, se todas se transformassem em uma só, com um valor fixo que você pudesse pagar todos os meses, não seria muito mais prático e organizado manter as contas em dia?

Esse é o objetivo da consolidação das dívidas! Porém, a dúvida que surge é exatamente sobre como fazê-la. A resposta é relativamente simples: é possível contratar um empréstimo e quitar todas as suas dívidas. Dessa forma, você se preocupa apenas com o pagamento do valor emprestado.

A grande vantagem dessa prática é que você poderá pagar as dívidas à vista e, em razão disso, conseguir descontos e condições ainda mais vantajosas. Além disso, ao fazer o empréstimo, pode se planejar para arcar com uma parcela que seja compatível com o seu orçamento, evitando endividamentos futuros.

Agora que você já conhece algumas estratégias de como quitar dívidas e sair do vermelho, fica mais fácil perceber que essa não é uma tarefa impossível. Na realidade, com organização financeira, força de vontade e as estratégias certas, é plenamente possível abandonar as dívidas, reorganizar as suas finanças e pensar em realizar novos objetivos e sonhos.

Nós podemos ajudar você a sair das dívidas e a reorganizar as suas finanças. Para isso, temos diferentes linhas de créditos acessíveis e flexíveis, pensadas justamente para momentos de dificuldade. Entre em contato com a gente e saiba mais!

Atendimento BV

Este site usa cookies e outras tecnologias semelhantes de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade, o que pode acarretar no tratamento de dados pessoais. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.